Pearl Jam: Loudwire escolhe as dez melhores músicas

10 – Jeremy (do álbum Ten, de 1991)

Eddie Vedder escreveu “Jeremy” depois de ler sobre um adolescente do Texas que cometeu suicídio na frente de seus colegas de classe. Embora o vídeo tenha sido um dos mais populares daquele ano, o Pearl Jam evitou fazer mais vídeos por muito tempo. Musicalmente, a faixa é notável pela condução da linha de baixo por Jeff Ament e pela poderosa entrega vocal de Eddie vedder.

09 – Elderly Woman Behind the Counter in a Small Town (do álbum Vs, de 1993)

A capacidade de composição de Eddie Vedder evoluiu com o segundo álbum do Pearl Jam, e ”Elderly Woman Behind the Counter in a Small Town” merece seu lugar entre as 10 melhores canções da banda graças à vívida capacidade de descrição de duas pessoas se reunindo depois de anos separadas.

08 – Even Flow (do álbum Ten, de 1991)

“Even Flow” foi inicialmente uma demo instrumental que finalmente fluiu quando Vedder juntou-se à banda e adicionou sua visão lírica. Tornou-se uma das primeiras 10 músicas que ele gravou com o grupo em sua primeira semana em Seattle.

07 – Better Man (do álbum Vitalogy, de 1994)

Apesar de não aparecer até o terceiro álbum do Pearl Jam, “Better Man” foi na verdade escrita por Vedder em sua adolescência. O cantor usou suas próprias experiências com o padrasto para escrever a letra. A música começa com o dedilhado solitário de Vedder, mas eventualmente se transforma em um rock melódico sobre uma mulher se estabelecendo na vida para a presumida melhoria de sua família.

06 – The Fixer (do álbum Backspacer, de 2009)

O Pearl Jam estava em busca de uma recuperação criativa em 2009 e “The Fixer” providenciou isso de um grande modo. Ironicamente, a faixa é sobre o desejo de consertar situações na vida. O contagiante riff que impulsiona a canção partiu do baterista Matt Cameron, com a banda como um todo tomando uma abordagem mais colaborativa na canção e no álbum “Backspacer”.

05 – Given to Fly (do álbum Yield, de 1998)

O Pearl Jam faz uma referência não tão sutil ao Led Zeppelin em “Given to Fly”, ao utilizar vagamente “Going to California” como a estrutura da canção. Mike McCready escreveu a música e Vedder providenciou a letra, que ele vê como uma fábula infantil, como relatou ao jornal Philadelphia Enquirer. “Eu realmente amo cantar a parte do final, que é sobre se elevar acima dos comentários de qualquer um sobre o que você faz e ainda assim dar o seu amor”, disse.

04 – Alive (do álbum Ten, de 1991)

“Alive” é a canção que começou tudo para o Pearl Jam e definitivamente merece seu lugar entre as 10 melhores. Com a guitarra de Stone Gossard soando como sinere liderando o caminho, o Pearl Jam sinalizou sua entrada no cenário musical do rock. Liricamente, Vedder disse no “VH1 Storytellers” que escreveu a canção sobre sua discórdia com seu padrasto, mas com o tempo a maneira com que os fãs abraçaram “I’m still alive” como uma letra de afirmação da vida, isso mudou o modo que ele pessoalmente via a letra.

03 – Rearviewmirror (do álbum Vs de 1993)

As impressões digitais de Vedder estão por toda ”Rearviewmirror”, uma das músicas do segundo álbum, Vs. O cantor disse ao Los Angeles Times, sobre a canção: “Nós começamos com a música e isso meio que impulsionou a letra. Me fez sentir como se eu estivesse em um carro, deixando algo, uma situação ruim. Há emoção nisso. Me lembrei de todas as vezes que eu quis partir…”.

02 – Yellow Ledbetter (B-Side do single Jeremy, de 1994)

“Yellow Leadbetter” se tornou a favorita dos fãs ao longo dos anos, apesar de nunca ter aparecido em um dos álbuns oficiais de estúdio da banda (finalmente apareceu na coletânea de raridades “Lost Dogs”). Durante um show em 2008, Eddie Vedder disse ao público que escreveu a música sobre uma criança que teve o irmão morto na guerra e vê um casal de idosos com uma bandeira em seu quintal. Ela acena, sentindo uma conexão, mas eles não respondem, depois de olhar para sua aparência.

01 – Black (do álbum Ten, de 1991)

A completa amplitude da banda é explorada em “Black”, fazendo dela nossa top na lista das 10 melhores canções do Pearl Jam. A faixa começa melódica, com uma narrativa sobre um relacionamento evoluindo até alcançar um ponto de ruptura. A letra se torna mais sombria, assim como a música, com a banda sutilmente aumentando o ritmo e providenciando uma estrutura mais severa. No fim da faixa Vedder está uivando em completo abandono e o guitarrista Mike McCready toca um solo matador.

Senti falta de Once e I Am Mine..

Por Adm Gabriel S’

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s